Moom Turismo em Foz do Iguaçu Passeios Turismo na Usina Hidrelétrica de Itaipu

Turismo na Usina Hidrelétrica de Itaipu



 

Turismo na Usina Hidrelétrica de Itaipu

Desde 2007, a Fundação PTI é responsável pela operação e gestão do Complexo Turístico Itaipu (CTI). Os passeios oferecidos partem do Centro de Recepção de Visitantes (CRV), um espaço destinado para receber os turistas com conforto e segurança. O CRV está localizado junto à entrada da usina e atende milhares de turistas por dia.

Veja as atrações do Circuito Especial:

Visita Panorâmica

Para se ter uma noção do tamanho de Itaipu, a Visita Panorâmica é o passeio mais indicado. Nele é possível contemplar a visão externa da usina: do vertedouro ao topo da barragem de concreto onde estão instaladas as 20 unidades geradoras.

A visita inicia no Centro de Recepção de Visitantes com a exibição de um filme sobre Itaipu e segue em ônibus para conhecer de perto a usina hidrelétrica. O roteiro passa pelo mirante do vertedouro e inclui uma parada no mirante central, de onde se tem uma ampla visão da barragem de aproximadamente 8km de extensão e 196 metros de altura. No Mirante central, o tempo de parada é livre, e há estruturas de apoio como banheiros, café, loja de souvenirs e serviços de fotografia digital. A visita continua no ônibus, passando pelos condutos forçados. Dependendo da operação da usina, o ônibus também pode passar por cima da barragem, de onde se tem uma vista do Rio Paraná com Foz do Iguaçu ao fundo e, na direção oposta o Lago de Itaipu.

Porto Kattamaram I

As cores vívidas de um dia ensolarado, o deslumbrante pôr do sol sobre o lago de Itaipu e até incríveis noites de luar: muitas são as possibilidades de cenários em um passeio no barco Kattamaram. A nova atração do Complexo Turístico Itaipu reúne conforto e requinte para uma memorável viagem pelas belezas do reservatório da maior hidrelétrica do mundo em geração de energia.

Com uma completa infraestrutura para atender até 200 pessoas, a embarcação tem convés aberto, bar americano, restaurante e solário, ideal para relaxar e contemplar a beleza das exuberantes paisagens. No restaurante do Porto Kattamaram ainda há um deck que proporciona uma vista incrível do lago de Itaipu.

O barco parte do Porto Kattamaram, o último ponto de parada da Visita Panorâmica, e navega beirando a barragem da Itaipu Binacional.

Polo Astronômico

O Polo Astronômico Casimiro Montenegro Filho se integra aos atrativos turísticos do Complexo Turístico Itaipu numa área construída de 505,76 m², sendo um dos poucos no mundo a reunir de forma integrada planetário, observatório e plataforma de observações a olho nu.

O passeio oferece diversas atrações, com atividades nos ambientes internos e externos. Logo no hall de entrada, você conhece o Espaço Universo, que contém exposições de réplicas em miniatura de sondas e naves espaciais, protótipos de planetas e simuladores do sistema solar. E ainda, contempla um céu virtual que simula a visão de um observador em qualquer latitude do planeta no passado, presente ou futuro.

Destinado às observações do céu real – tanto diurno quanto noturno – o Observatório possui três telescópios, incluindo um Schmidt-Cassegrain de 11” (280mm). Sua cúpula mede seis metros de diâmetro e possibilita observar a Lua, os planetas, aglomerados estelares e algumas galáxias.

Neste atrativo você também pode praticar a Astronomia sem equipamentos. Tendo um panorama do céu estrelado sob o ponto de vista de diversas culturas, entenda o conceito de constelação e saiba como identificar os vários tipos de astros visíveis.

Ecomuseu de Itaipu

Interativo e com exposições incomuns, o Ecomuseu é uma ótima opção para conhecer a história de Itaipu. Cenários fiéis ao passado, totens eletrônicos e uma maquete gigante fazem parte deste espaço cultural. O circuito é dividido em módulos que retratam desde a ocupação da região da usina na margem brasileira até os projetos de conservação conduzidos pela binacional.

Entre as surpresas os visitantes podem apreciar espaços temáticos de água e energia, além de uma réplica do eixo de uma turbina em atividade – com direito aos ruídos característicos do coração da usina. O ambiente ainda conta com um impressionante painel criado em homenagem aos milhares de trabalhadores que ajudaram a construir a hidrelétrica. São 4.500 fotos dos operários no formato 3×4.

A comunidade e a região trinacional ganham destaque no Ecomuseu em uma das maiores maquetes do País. São 76 metros quadrados, numa escala 25 mil vezes menor que o espaço original, que permitem uma viagem pedagógica pela fronteira entre Brasil, Paraguai e Argentina. Nesta sala, 750 fios de fibra óptica simulam um céu estrelado e, nas paredes laterais, telas sensíveis ao toque exibem depoimentos dos moradores dos municípios lindeiros. Todo o percurso é realizado de acordo com o seu interesse e ritmo.

Refúgio Biológico Bela Vista

O Refúgio Biológico Bela Vista foi criado há mais de 30 anos pela Itaipu Binacional e abriga uma área de proteção ambiental de 1.920 hectares. O espaço reúne, entre outras estruturas e projetos, o Zoológico Roberto Ribas Lange e o Criadouro de Animais Silvestres da Itaipu Binacional (Casib, para programas de reprodução, onde a visitação não é permitida).

O zoológico e o Casib mantêm atualmente 361 animais, entre mamíferos, aves, répteis e anfíbios, de 62 espécies. A infraestrutura conta com um dos melhores hospitais veterinários do País, atendendo a animais de outros zoológicos ou vítimas do tráfico. Sempre que possível, eles são reintegrados à natureza.

A visitação ao Refúgio Biológico Bela Vista é feita de terça-feira a domingo em quatro horários: 8h30, 10h, 14h30 e 15h30. A duração do passeio é de aproximadamente duas horas e meia. Moradores de Foz e municípios lindeiros e empregados de Itaipu (mediante a apresentação do crachá) não pagam.

Iluminação da Barragem

A energia gerada por Itaipu também produz um outro espetáculo. Na própria usina, encante-se com a energia que sai das imensas turbinas na Iluminação da Barragem. Antes do acendimento das luzes, dois apresentadores e um vídeo mostrado em telões contam a história da hidrelétrica e a traduzem em números expressivos. De repente, em meio à escuridão, a barragem de concreto é iluminada por 747 refletores e 112 luminárias.

Uma trilha sonora, criada especialmente para a apresentação, embala, em perfeita sincronia, o acendimento das luzes. O turista acompanha a apresentação do mirante central, de onde pode-se ver a distância o funcionamento da usina durante o dia.

Para você ter uma ideia da beleza e da grandiosidade deste cenário, a energia consumida no espetáculo seria suficiente para iluminar uma cidade com 15 mil habitantes. A iluminação ganha ainda mais charme em noites de lua cheia.

Circuito Especial

Premiado pelo Ministério do Turismo como uma das melhores práticas em atrativos turísticos, o Circuito Especial além de percorrer os principais cartões-postais da magnífica barragem, também o leva para uma aventura pelo interior da maior hidrelétrica do mundo em geração de energia.

O passeio dispõe de atendimento diferenciado, com monitores trilíngues, ônibus especial com água a bordo e permissão total para você filmar e fotografar.

Descubra a arquitetura côncava das majestosas catedrais de concreto e sinta a pulsação interrupta da usina ao tocar suas paredes e os condutos que direcionam a água para o interior das turbinas. Conheça a sala de comando central, onde técnicos brasileiros e paraguaios monitoram de forma integrada sua produção, separados apenas por uma fronteira simbólica.

E, finalmente, após percorrer a impressionante Estação Galeria, com quase um quilômetro de comprimento, desça ao nível onde estão as turbinas em pleno trabalho de geração de 700 megawatts cada uma – energia suficiente para a abastecer uma cidade com 2,5 milhões de residências e gerar emoções que você vai guardar para sempre.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *